Notícias CAPES e Ministério da Defesa discutem parcerias
AÇÕES ESTRATÉGICAS

CAPES e Ministério da Defesa discutem parcerias

Publicado: Quarta, 20 Mai 2020 19:15 , Última Atualização: Quinta, 21 Mai 2020 09:12

Benedito Aguiar, presidente da CAPES, se reuniu por videoconferência com Jorge Antônio Smicelato, o novo diretor de Ensino do Ministério da Defesa.

20052020 FOTO DENTRO MATERIA REUNIAO

Benedito Aguiar, presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), se reuniu nesta quarta-feira, 20, com o Jorge Antônio Smicelato, general do Exército e novo diretor de Ensino do Ministério da Defesa (MD). Durante o encontro, feito por videoconferência, o fortalecimento da parceria entre os órgãos por meio de ações estratégicas foi o principal tema.

O desenvolvimento de novas iniciativas conjuntas em áreas estratégicas de Defesa foram discutidas. A formação e capacitação de pessoal nas áreas de setor nuclear, espacial, cibernético e de biossegurança foram algumas das demandas apresentadas pelos representantes da Defesa. O avanço das pesquisas nesses temas é relevante para ajudar no desenvolvimento do País.

Para Benedito Aguiar, as parcerias com o MD podem impulsionar “uma área estratégica para o país” por meio da pesquisa. Ele afirmou que “a CAPES está à disposição para colaborar, dando seguimento e ampliando as parcerias já existentes”. O presidente lembrou que os técnicos da CAPES e da Defesa já trabalham juntos, com grande sintonia, em diversos projetos.

A participação do Ministério da Defesa na elaboração do Plano Nacional de Pós-Graduação (PNPG) 2021-2030 foi outro ponto elencado. “A experiência de ter tido representantes do Ministério da Defesa na comissão atual foi muito boa, muito positiva, e queremos manter essa participação”, afirmou Benedito Aguiar. O PNPG define as diretrizes, estratégias e metas para a política de pós-graduação e pesquisa no país.

Com investimento de R$ 13,4 milhões, o Programa de Cooperação Acadêmica em Defesa Nacional (Procad-Defesa) foi ressaltado pelos representantes. Por meio do Procad-Defesa é estimulada a realização de projetos conjuntos de pesquisa entre as instituições de ensino superior, militares de ensino e pesquisa e as de ciência e tecnologia. São financiadas bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado, além de projetos de pesquisa.

Pela CAPES, participaram da reunião Zena Martins, diretora de Programas e Bolsas no País, Heloísa Hollnagel, diretora de Relações Internacionais, e Darson Astorga de La Torre, coordenador dos Órgãos Colegiados. Representando o Ministério da Defesa, estiveram presentes Manoel Luiz Narvaz Pafiadache, general do Exército e secretário de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto, Celso Fonseca, coronel e gerente da Divisão de Cooperação Acadêmica e Carlos Cesar Deonísio, capitão e assistente técnico militar.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu